Informativo On-Line:

Cadastre-se e receba o informativo do sindicato por email.

BANCO DO BRASIL

Sindicato cobra que seja apurada agressão a bancário

NOTÍCIAS

09, julho 2018 20:03

O Sindicato vai cobrar oficialmente do Banco do Brasil a apuração e as devidas providências em relação à agressão física de um gestor de uma agência da Zona Oeste a um bancário. O fato ocorreu no último dia 2 na frente de testemunhas. No meio de uma discussão, o gestor, nervoso, teria atingido com um soco o funcionário que caiu. A violência só não continuou no chão porque o agressor foi seguro por vigilantes. O Sindicato tomou conhecimento de que o gestor teria sido transferido para a Baixada Fluminense.
Segundo informações, o funcionário estava trabalhando quando recebeu o aviso verbal de que no dia seguinte pela manhã teria que se reunir com o Comitê de Administração da Agência, sem ser especificado o assunto. Quando perguntou que tema seria tratado, a reação do gestor foi de indignação e impaciência, não respondendo à pergunta. Houve uma divergência. No segundo andar aconteceu a agressão. O funcionário registrou queixa na delegacia policial da região e foi submetido a exame de corpo de delito.
Rita Mota, diretora do Sindicato e membro da Comissão de Empresa dos Funcionários, considera o fato lamentável e cobra uma resposta imediata do banco. “O que aconteceu é fruto da pressão do ambiente de trabalho tenso criado por uma política de redução salarial e de pessoal, de violência organizacional generalizada, e da falta de acompanhamento do banco sobre a atuação dos gestores para evitar que situações como esta aconteçam. Isto não pode continuar assim”, afirmou. 
 

Comentários


Para comentar você precisa estar logado.


Leia também:


18, October 18

Funcionários do Itaú recebem 13ª cesta-alimentação no dia 26

18, October 18

Empresas pagaram milhões para disseminar fake News pelo WhatsApp em favor de Bolsonaro

17, October 18

Retorno do risco de privatizações ameaça bancos públicos e o futuro do Brasil