Quarta, 11 Setembro 2019 18:23

Sindicato mobiliza empregados em defesa do Saúde-Caixa para todos

Legenda: Dirigentes sindicais percorreram unidades da Caixa para mobilizar os empregados em defesa do Saúde Caixa Legenda: Dirigentes sindicais percorreram unidades da Caixa para mobilizar os empregados em defesa do Saúde Caixa

O Sindicato realizou na quarta-feira, 11 de setembro, atividade que marcou o Dia Nacional de Luta em defesa do “Saúde Caixa para todos”. Dirigentes sindicais percorreram os locais de trabalho nos prédios da Caixa Econômica Federal da Almirante Barroso e do Passeio Corporate. Os sindicalistas dialogaram com os bancários sobre o direito à assistência de saúde e a importância da união e participação de todos os empregados na defesa do Saúde-Caixa. As resoluções 22 e 23 do CGPAR (Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração de Participações Societárias da União), que alteram o modo de custeio do plano e podem inviabilizar a assistência aos trabalhadores.

“É um absurdo que os novos empregados, na grande maioria portadores de deficiência, entrem na Caixa e não possam usufruir do direito à assistência do Saúde Caixa. A empresa não implantou sequer o reembolso previsto no Acordo Coletivo, o que já é uma desvantagem para os recém contratados, além de influenciar diretamente no plano de saúde já existente, pois a falta de novas adesões irá acarretar irremediavelmente na insustentabilidade do sistema de a saúde dos funcionários”, disse o diretor do Sindicato Rogério Campanate.

Conquista dos trabalhadores

O diretor do Sindicato Sérgio Amorim lembrou aos funcionários que o atual modelo do plano não é uma concessão da empresa, mas sim, fruto de conquistas do sindicato na campanha salarial de 2002.

“Nosso plano se baseia na solidariedade entre os participantes que garante o acesso a saúde independentemente da idade e renda e tem se mostrado sustentável, e até superavitário, desde a sua implantação em 2004. Precisamos estar unidos para manter o Saúde Caixa para todos”, destaca.

Também participaram da atividade o diretor do Sindicato, José Ferreira e da Fetraf-RJ/ES (Federação dos Trabalhadores do Ramo Financeiro), Ricardo Maggi.